27 de janeiro de 2010

Henrique e os Pardais

poesias, Menores


Por Ebrael Shaddai,
Para Valenita Duarte, in Henrique, o Anjo.
*******



Henrique,

Irmão dos pardais,
Não planta nem colhe.
Deus o ama,
E não o esquece.

Quem nunca dançou
Com os Pardais??
Quem nunca plantou
Ou colheu??
Acaso, quem foi que
Deus já esqueceu??

Henrique de nada esqueceu,
Todos já amaram os pardais,
Alguém já colheu uma dança,
Quase ninguém se lembra de Deus.

Somos a irmandade dos
Grandes Pardais,
Filhos e netos dos
Pequenos Henriques,
Plantações e frutos da
Dança da Vida.
Somos os Amores Divinos
Esquecidos...

E o que mais?